Seguidores

sábado, 20 de novembro de 2010

COMO DIMINUIR O STRESS

Autora: Tatiana Nascimento dos Santos
Bacharel emFisioterapaia pela Universidade Bandeirante de São Paulo - UNIBAN


Atividades físicas regulares e massagens, preferencialmente que proporcione prazer é uma forma de combater o stress, pois são capazes de libertar substâncias que são responsáveis pelas sensações de prazer, gerando bem estar físico e mental.

A amizade, pois os amigos são sempre importantes e temos que desabafar os sentimentos reprimidos, é importante ter alguém que podemos falar e ouvir.

Procure manter horários regulares de sono e alimentação, pois estas mudanças geram um grande desequilíbrio biológico.

Procure contato com a natureza para relaxar e esquecer a vida urbana cheia de poluições.

Nos maiores Centros Médicos do mundo eles usam como alternativas todos os dias, reservar alguns minutinhos os quais os pacientes se sente confortável de olhos fechados e concentre-se na respiração eles afirmam que ajuda a controlar o Stress.

Ouvir músicas que proporcione prazeres e se sente prazeres em cantar e dançar os faça, pois, além do mais quem canta seus males espanta, não é mesmo.

Concentrar em procurar soluções, esquecer as tarefas impossíveis e lembrar que somos seres humanos, dotados de sentimentos, cometemos erros, pois não somos perfeito e lembrar que temos sentimentos e jamais deixar de lado nossa família, nossa saúde e nossa dignidade.

2 comentários:

  1. Os pontos destacadois no texto são primordiais para um equilibrio em nossas vidas, infelizmente o mundo corporativo do serviço público (se isso existe), não tem avançado nessa direção, pois observamos os servidores públicos desgastados pelo tempo, evidente que os resultados (sempre eles) não serão satisfatórios a ninguém.

    ResponderExcluir
  2. Alexandre Silvestre22 de novembro de 2010 07:46

    Na luta diária é muito díficil ou quase impossível "manter horários regulares de sono e alimentação", mas precisamos abrir essas discussões para mudarmos o quadro de saturação em que o efetivo se encontra.

    Parabéns pela abordagem.

    ResponderExcluir